Como saber se você está se maltratando? Confira 10 pontos para ficar alerta

*Por Luzia Costa



Engraçado como essa pergunta faz sentido! A primeira coisa que pensamos é: “eu me maltratar? Imagina, não tem ninguém que me ama mais do que eu”. E aí, ficamos apostando somente em palavras de afirmação, como: eu me amo, eu me cuido, eu me aceito, falando de relacionamentos abusivos a minha volta, enquanto na verdade estou sofrendo maus tratos o tempo todo por mim mesmo.


E como saber se estamos vivendo uma relação abusiva com nós mesmos? Foi pensando nisso que separei 10 dicas para você sair desse relacionamento tóxico que está vivendo diariamente.


Confira:


1. Você se maltrata quando se compara com outra pessoa.


Lembre-se: comparação não tem a ver com se inspirar.

Quando se inspira em alguém, você passa a espelhar coisas boas, quando se compara, entra em um julgamento pesado.

Porque que isso é perigoso? Exemplo: quando eu comparo um filho com o outro, eu crio um bloqueio nessa criança, uma necessidade de aceitação, uma crença de achar que o outros são melhores do que ele.

A mesma coisa acontece quando você se compara com outras pessoas, começa a se sentir inferior aos outros, e a gerar uma necessidade de aceitação absurda dentro de você mesmo.


2. Você se maltrata quando dedica mais tempo para um estranho do que para as pessoas que ama.


Quando se perde muito tempo com reuniões demoradas, coisas que podem ser otimizadas, viagens desnecessárias que poderiam ser resolvidas a distância.

Por isso, tente se planejar para ter mais tempo para passar ao lado de quem realmente te faz bem, irá te ajudar a ter uma vida mais prazerosa.


3. Você se maltrata qu