Empreender é para todo mundo?


As pessoas têm me perguntado se empreender é para todo mundo. Eu posso dizer para você com toda certeza: é para todo mundo empreender, abrir negócios, não!


Você deve estar se perguntando: mas como assim?


Te respondo. A palavra empreendedorismo está na moda e as pessoas só associam a O abrir negócio para gerar empregos, contribuir para economia, ou seja, com abrir negócios apenas. Mas empreender vai muito além disso. Tem várias formas.


Como?


Você pode empreender como esposa, como filha, como dona de casa, mãe, amiga, empreender dentro de outros negócios, enfim... tem várias formas de empreender. A palavra empreendedorismo, tem a ver com a qualidade de vida, com segurança, com atitude, com doação.


Empreender tem muito mais a ver com servir, do que abrir um negócio. Quando eu decido servir as pessoas, quando eu decido me realizar, quando eu atrelo a felicidade e as coisas que estão acontecendo em minha volta, com a minha pessoa, eu consigo ter clareza de tudo isso.


As pessoas acreditam que empreender tem a ver com abrir negócios, e é por isso que nós vemos todos os dias pessoas que chegaram a cargos altíssimos dentro de empresas, CEOs que muitas vezes saem para abrir seu próprio negócio, e não tem sucesso. Abre e fecha. Porque a forma dele empreender não está ali, em empreender abrindo um negócio próprio, mas estava na forma de intra empreender dentro de uma empresa, e ele era e é feliz dessa forma. E as vezes por pressão da sociedade que diz “que você é muito bom e precisa ter o seu negócio”, as pessoas partem para um outro caminho e não são felizes, não são bem-sucedidas.


Por isso é preciso entender e se perguntar antes de empreender dessa forma: você está disposto a se doar pelo seu negócio? E isso que você busca?


Se você estiver disposto a largar tudo, e começar, desbravar um novo mundo, aí sim você é um empreendedor para abrir portas. Mas se não é isso que está em seu coração, se a sua vontade é servir a tua casa, sua família, também é uma forma de empreender. Eu falo muito isso, porque as mulheres têm uma pressão muito grande em precisar trabalhar fora para serem realizadas, e isso não tem nada a ver.


É preciso saber qual é o desejo que está dentro do seu coração! Muitas mulheres tem o sonho de empreender como esposa, mãe, tendo um lar e está tudo bem nessa escolha. Tem pessoas que querem intra empreender, servir dentro de uma empresa.


Por isso não podemos julgar, afinal empreender é para todo mundo, abrir um negócio, não.


Não importa a forma que vai empreender, e sim em não atrelar sua felicidade em abrir porta de um negócio. Lembre-se: todas as decisões a sua volta, não podem te definir, o que te define é o que você é, não o que você tem.


Comece a pensar dessa forma, que um empreendedor bem-sucedido vai muito além de abrir o negócio de sucesso, tem muito mais a ver com o seu sucesso como pessoa, do que seu sucesso lá fora como empresário.


E lembre-se: empreender é para todo mundo, SIM!

Posts Em Destaque